RB Investimentos

Fundos imobiliários: as vantagens e o momento oportuno dessa modalidade

Investimentos


O mercado de fundos imobiliários está em franca expansão no Brasil, tendo atingido mais de 360 milhões de investidores no 1º semestre de 2019, um crescimento de mais de 40%. A perspectiva de recuperação da economia e os cortes na taxa Selic - que tem previsão de chegar a 5,0% no final de 2019, conforme relatório Focus do Bacen - têm feito crescer o interesse e o número de produtos no segmento. 

De acordo com números fornecidos pela B3, a quantidade de fundos imobiliários registrados até junho de 2019 representou um crescimento de 32% em relação ao fechamento de 2017, chegando a 439 produtos diferentes, sendo 183 desses listados na bolsa de valores. O valor de mercado consolidado dos ativos negociados em bolsa passou dos R$ 61 bilhões.

Outro ponto que torna esse momento oportuno para essa modalidade de investimento são as projeções de crescimento do PIB e da retomada dos empregos, que tendem a favorecer o setor imobiliário a partir de 2019, com potencial de valorizar o preço do metro quadrado e o valor dos aluguéis, que não apresentavam altas desde 2014. 


E afinal: qual é a diferença entre aplicar em fundos imobiliários e comprar um imóvel?


O brasileiro possui a cultura de investir em imóveis através da compra dele na forma física, como uma casa ou sala comercial. No entanto, os FIIs surgem como uma alternativa rápida e rentável para aplicar no setor, tornando o investimento em imóveis mais acessível ao investidor, uma vez que não é necessário dispor de uma quantia elevada que será dedicada a um único empreendimento ou ainda ter que lidar com inquilinos, financiamentos e outras burocracias. 

Em muitos casos, comprar um imóvel físico para investir só é recomendado se você for um expert do mercado imobiliário da sua cidade e caso possua bastante tempo para análise de todos os detalhes de cada empreendimento, como localização do imóvel, construtora, potencial de valorização.

Ainda assim você terá que arcar com custos extras, como manutenção, eventuais inadimplências de inquilinos ou ainda correr o risco da desvalorização do imóvel ou de não conseguir vender ou locar o imóvel. Além disso, o valor a ser investido é muito mais alto do que o valor de uma cota em um fundo imobiliário. 

Outra vantagem dos FIIs sobre os imóveis é a isenção do Imposto de Renda para pessoa física sobre os rendimentos, desde que o fundo seja listado em Bolsa e tenha, no mínimo, 50 cotistas - condições que quase todos os fundos da modalidade cumprem.

E como começo a investir?

Os FIIs aplicam o dinheiro dos cotistas em imóveis de diversos segmentos e em ativos com lastro em imóveis, como o CRI e a LCI, que são chamados de recebíveis imobiliários. Podem ainda investir em cotas de outros fundos imobiliários. Essa diversidade é positiva para o investidor, uma vez que permite o acesso a ativos variados, com oportunidades de rentabilidade e riscos bem distintos. Mesmo que você já tenha um investimento direto em imóveis, os FIIs podem ser utilizados como um complemento para investir em outros tipos de empreendimentos.

Nosso conselho para fazer uma escolha assertiva é calcular todos os custos envolvidos no investimento, as projeções de rentabilidade e analisar esses números de acordo com seus objetivos pessoais. Somente após uma análise mais profunda envolvendo esses componentes será possível perceber com maior clareza os prós e os contras de cada opção.


Na hora de investir, é bom contar com quem entende sobre o assunto


Conte com nossos especialistas para te ajudar a encontrar as melhores opções que tenham aderência ao seu perfil de investidor e objetivos. Nós, da RB investimentos, contamos com uma curadoria criteriosa de fundos e podemos te ajudar a encontrar a melhor opção para você e seu patrimônio. 

Criamos ainda alguns conteúdos especialmente voltados para o investidor que está considerando a possibilidade de investir em FIIs. Clique aqui para conhecer nosso e-book sobre o tema e aqui para acessar nosso canal e assistir à série de vídeos que preparamos junto a alguns de nossos especialistas no assunto.

E então, tudo pronto para investir com facilidade e sem burocracia? 

Abrindo sua conta na RB Investimentos, você contará com a praticidade de operar em uma plataforma digital. Nela, você encontrará todas as informações sobre a sua conta, como: aplicações nos produtos que escolher investir, distribuição dos seus investimentos na carteira, compra e venda de títulos, transferências de valores para sua conta corrente, extratos e muito mais.


É muito simples: 


  1. Abra sua conta. 

Acesse www.rbinvestimentos.com e faça o seu cadastro na RB Investimentos. É rápido, fácil e sem custo.


  1. Transfira o valor desejado para a sua conta de investimentos.

Basta transferir o dinheiro da sua conta bancária para a sua conta da RB Investimentos.


  1. Hora de investir!

Encontre o melhor investimento para os seus planos com a ajuda de nossa assessoria especializada e comece a viver uma nova experiência em investimentos. 




RB Investimentos
Armazenamos cookies em seu dispositivo para proporcionar uma melhor experiência. Ao utilizar esse site, você concorda com nossa política de privacidade