RB Investimentos

A taxa de juros neutra e seu impacto na aceleração da economia

Investimentos

Com o Brasil sob o ritmo de uma baixa atividade econômica e, ao mesmo tempo, com uma inflação estável, há uma cobrança junto ao Banco Central por uma atitude mais firme com o objetivo de estimular a retomada do crescimento. Isso se justificaria também pelo fato de o país estar atualmente em um nível mais baixo de juro neutro – portanto, com a possibilidade de crescimento máximo, sem que isso cause pressão sobre a inflação.

Afinal, o que é a taxa de juros neutra?

A taxa de juros neutra é aquela que não gera impulso ou contração adicional na economia, permitindo o seu crescimento sem a necessidade de recorrer a pressões inflacionárias. É considerada o patamar de equilíbrio da economia, já que ajuda a equilibrar os mercados financeiros quando a mesma está em crescimento potencial e a inflação permanece controlada e estável.

No entanto, a taxa de juros neutra não é uma variável diretamente observável e seu cálculo, além de complexo, não é realizado através de uma única metodologia. Ela precisa ser estimada através de métricas e modelos que incorporem variáveis financeiras e econômicas abrangendo setores privados e públicos, predominantemente domésticos, tais como: produtividade, características demográficas, regulação e aprofundamento financeiro. Ainda pesam nessa equação as políticas monetárias e as influências internacionais, que têm desempenhado um papel maior cada vez maior nesse modelo.

Qual é seu real impacto na aceleração da economia?

Teoricamente, uma vez que alcançada, a taxa de juros neutra pode trazer uma normalização às políticas monetárias, coerente com a estabilidade e solidez do mercado. Por isso, traz consequências diretas para o bem-estar social e para os resultados do setor privado.

Embora o conceito seja mais relevante para países com sistemas financeiros maduros, muitas economias emergentes, como o Brasil, não podem evitar as consequências de déficits relacionados às políticas, mesmo que estes estejam muito além de suas fronteiras. Subestimar o juro neutro, por exemplo, poderia provocar ondas de entrada de capital que podem desestabilizar os sistemas financeiros. Por outro lado, um nível alto demais aumentaria o risco de saídas de capital disruptivas.

Mas e a reformas?

Apesar de a receita para uma recuperação mais rápida da economia parecer fácil, na prática não é algo tão simples. Em boa medida, a decisão sobre a Selic está condicionada à aprovação da Reforma da Previdência, que teoricamente melhoraria o perfil das contas públicas.

Como o ambiente ainda é de incertezas sobre quando o projeto com as mudanças das regras da aposentadoria será votado e qual será o seu nível de profundidade, ainda pode caber ao Copom um pouco mais de cautela quanto à redução da taxa básica de juros. Se a aprovação da Reforma da Previdência sair, poderá pressionar os juros neutros para baixo.

Em comunicado após sua última reunião, no início do mês, o próprio Copom destacou que “será preciso observar o comportamento da atividade econômica ao longo do tempo e que uma avaliação não será concluída a curto prazo".

Desta forma, conforme sugere a experiência internacional, é necessário que se continue a trilhar o caminho das reformas, para que se possa sonhar com a convergência da taxa neutra de juros brasileira em direção a níveis mais baixos.

E meus investimentos?

A taxa de juros neutra vem assumindo um papel de protagonismo na política monetária brasileira, por ser fator determinante para a extensão do ciclo de queda da Selic e sua relevância e impactos nos investimentos.

Como vimos anteriormente, neste cenário a aprovação de reformas deve despertar além de otimismo do mercado, um ambiente favorável a um novo ciclo de crescimento para a economia, que deve avançar com maior velocidade. Isso fará com que um eventual aumento da Selic seja necessário para acomodar esse crescimento, tendo impacto positivo direto em ativos e fundos, especialmente os de renda fixa.

A RB Investimentos conta com economistas e especialistas no mercado, que podem te dar todo o respaldo necessário para investir de forma inteligente, considerando todos os fatores citados aqui e alinhados aos seus objetivos pessoais. Abra sua conta digital, sem burocracia, e comece a agora a viver uma nova experiência em investimentos.

RB Investimentos
Armazenamos cookies em seu dispositivo para proporcionar uma melhor experiência. Ao utilizar esse site, você concorda com nossa política de privacidade